3 formas de ‘impor’ limites na adolescência

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

impor limites na adolescência

A adolescência é uma das fases mais complexas da vida. Em meio a uma série de mudanças fisiológicas e emocionais, os jovens se deparam com a vontade incessante de desbravar o mundo. Além disso, esse período é marcado por novas experiências escolares e decisões importantes para a trajetória profissional e pessoal, como a escolha de qual curso seguir na universidade.

Tudo isso se soma aos cuidados dos pais com os adolescentes, pois eles sabem que essa fase é marcada, muitas vezes, pela rebeldia. Entretanto, impor limites na adolescência não é uma tarefa fácil, pois os jovens são questionadores e querem entender o motivo de cada imposição.

Se você tem um adolescente em casa e precisa de uma ajuda para conseguir impor limites na adolescência, fazendo com que o filho de fato cumpra com os combinados, nós te convidamos para conferir na sequência as 3 dicas especiais que irão te auxiliar nessa missão.

1. Mantenha-se próximo do seu filho

Uma dica para impor limites na adolescência tem a ver com a relação que os pais selaram com o filho. Com o crescimento do jovem, é comum os pais acharem que, devido a sua independência, não é preciso ter um acompanhamento tão próximo como na infância.

Mas, é importante ressaltar que na adolescência o jovem começa a desenvolver o seu poder de decisão e a compreender claramente as consequências dos seus atos. Sendo assim, a participação dos pais nesse processo é fundamental para que a relação da família com o adolescente seja positiva.

Essa aproximação é essencial para que a imposição de limites seja compreendida e respeitada pelo jovem, afinal, ele reconhece que os pais estão preocupados com o seu bem-estar e, por isso, estabeleceram os combinados.

impor limites na adolescência

2. Seja firme ao impor limites na adolescência

Uma forma eficiente de fazer com que o seu filho respeite os limites impostos tem a ver com a firmeza do que é dito ao jovem no momento da conversa. Um erro cometido por alguns pais é o de falar algo em um momento de nervosismo e depois nem se lembrarem do que foi dito. Os jovens, diferentemente das crianças pequenas, conseguem perceber muito mais rápido que os limites apresentados naquela situação não serão acompanhados pelos pais.

Isso acaba fazendo com que os pais percam a credibilidade nesse quesito, e o cumprimento dos limites pelo filho ficará ainda mais difícil. A dica é sempre pensar antes de expor algo para os jovens e se comprometer a cumprir com o combinado.

3. O diálogo é sempre a melhor decisão

Impor limites na adolescência requer uma atenção especial dos pais com o filho, pois essa é uma fase com muitas mudanças e dúvidas que mexem com as emoções do jovem. Para que a relação entre os pais e o adolescente se mantenha saudável e os limites sejam respeitados, é importante valorizar o diálogo.

Por exemplo, há situações que são consideradas perigosas pelos pais, mas para o adolescente é algo absolutamente normal. Nesses casos, entrar em conflito com o jovem não é a melhor decisão.

É preciso ter calma e dialogar. Além de apresentar seus argumentos pautados pela experiência e pelos cuidados com o filho, é importante que os pais também ouçam o jovem e esclareçam as suas dúvidas. Essa troca é essencial para que a tarefa de impor limites na adolescência não seja tão desgastante para as partes envolvidas.

Apresentamos no artigo de hoje 3 formas de impor limites na adolescência do seu filho, mantendo uma relação de amizade e afeto com o jovem. Aproveite e veja em nosso blog o post que mostra qual a dose certa para o uso da tecnologia pelos adolescentes.

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×